mitologias pessoais

Poucas noites de sono eu passo acompanhado por sonhos, é bem raro, mas quando acontecem são bem curiosos, alguns absurdos, outros bem enigmáticos. A grande frustração é que sempre acordo interrompendo os sonhos, fico com aquela vontade de voltar para dormir e acompanhar o final da história.

Universos paralelos, coexistência de seres e realidades, desejos, alternativas, possibilidades. Tudo é possível tão quanto impossível. Falta de lógica, excesso de cores — ou falta delas, formas, nomes, expressões e até sons. Sem senso, sentido. Uma profunda paz, ou angustiante aventura que faz acordar quase caindo da cama, quase escorrendo em suor. O que acontece em sonho pouca gente sabe, se é real, se é ideal, se é idealização, se é reflexo da frustração, se são mensagens, sinais, formas de comunicação com outros seres, outras atmosferas, outros mundos, outras realidades, ou se são experiências feitas em nossa mente e corpo sem nosso conhecimento.

Talvez sonhos sejam nosso conjunto de seres imaginários, nossa mitologia pessoal. A mesma que me faz ver pessoas conhecidas, iguais ou diferentes do que elas realmente são, e ver pessoas que nem conheço ou pouco tenho contato, ou os serem e coisas e fatos completamente absurdos e impensáveis no mundo das coisas táteis em que vivemos. Talvez lá possamos experimentar sem o medo, sem a culpa, sem o ressentimento, com a coragem que nos torna fortes e imbatíveis, ou frágeis ao ponto de morrermos com a facilidade de um acordar em suspiro frustrado.

Uma festa em minha cabeça, recheada de pessoas importantes, presentes, possibilidades, coisas estranhas e absurdos monstros simpáticos de bronze cavalgando rápidos e confusos, com o ímpeto assustado e assustador, o medo recíproco recheado de beleza e admiração do novo, do belo, do animado, do lúdico. Tão absurdo, chega a ser fascinante. Talvez seja esse o poder dos sonhos, além dos mitos em torno dele, dos casos, verdades e mentiras, dos estudos, além do que se possa pensar, refletir e tentar descobrir através de psicologia e das ciências, muito além e paralelo a isso, sonho é uma busca, uma resposta anterior a pergunta, uma pintura cerebral, uma construção de realidade em nossa mente, seja ela feita de terminações neurais, tijolos, algodão, nuvens ou seja lá qual matéria passar pela vontade no momento…

Anúncios

10 pensamentos sobre “mitologias pessoais

  1. Oi, Rogério.

    Excelente texto. Escrito com uma precisão cirúrgica na escolha daas palavras.
    Uma coisa interessante que me fica nesta tua narrativa de sonhos e dos mitos pessoais, é a ‘sensação de quase’… Em quase tudo…
    E foi esta uma palavra que, quando não era usava, ficava nas entrelinhas…Ou mesmo em meu imaginário. Um sabor de quase… Quase que era… Quase mesmo… Por pouco….
    Sonhos ou nós, os sonhadores, fazemos dessas conosco é um desejo tão secreto, que mesmo sendo sonho, fica sempre o gosto de querer o gosto do desejar mais….

    Beijos, querido.

  2. “uma construção de realidade em nossa mente, seja ela feita de terminações neurais, tijolos, algodão, nuvens ou seja lá qual matéria passar pela vontade no momento…” Pode ser o que for, mas que é verdade enquanto dura, isso tenho certeza!!! Muito legal… Feliz 2009 p/ vc!

  3. Olá

    Adorei esse post,seu texto é mto bom.
    Olha isso acontece mto comigo,e nunca consigo voltar ao msm sonho,dai nunca sei o final da historia…

    Te convido a conhecer meu blog tb,espero sua visita.

    Abraços.

  4. Q texto lindo!!
    Acho q sonhos sao isso mesmo, uma mistura de imaginação com fatos da realidade.
    Obrigada pela visita ao blog “O que vamos dizer lá em casa?”. Seja sempre bem vindo.

    Beijaooo da Morena!

  5. Gostei do post e do blog.
    Adoro sonhar, e também tenho essa sensação de querer continuar dormindo quando acordo na metade de um sonho, é duro ficar sem saber o final da história, mas tb sinto um alívio danado quando estou sonhando com alguma coisa muito ruim e acordo :)

    Parabéns pelo blog!!!

    Gabi M

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s