Ponho,
pois pôr é
por aqui encontrar
porquês

pões tu
portas abertas
pões, poeta!

põe o outro
por um melhor
portar-se

pondes
pontes, portais
por ligações
poesia pura

põem
por toda causa
por toda parte
por todo porte
poronga
porca porcaria
pó, poeira
poetas e poesias

~ ~ ~
Ouvindo: Cólera

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s