às vezes

Às vezes dirijo tão rápido
que a vida ficou lá trás
só percebo tarde de mais
vejo que estava errado
não foi agora

às vezes erro tão rápido
que até reflexo foge de mim
às vezes fujo de mim
me sentindo estúpido
aconteceu de novo

às vezes percebo que não sei dirigir
que também sei fazer a coisa certa
não sou mais eu a apontar a seta
então porque parou de rir?
ofereço a outra face

então percebo, por vezes, que é vez de parar
parar de brincar

não foi agora
eu sei
aconteceu de novo
eu sei
ofereço a outra face
só eu sei

então percebo, por vezes, que é vez de parar
parar de brincar
brincar de parar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s